+ quarta-feira, fevereiro 12, 2003 +

I walk in the rain...





Parede, chá, caixinha de lenço, espirros... suspiros. Chuva, trovões, vento, folhas de árvores... folhas de papel. Contrabaixo, violino, notas, melodia... melancolia.

E o dia passa se arrastando, sem forças, sem vontade de correr... e eu fico a vagar pela casa procurando um lugar melhor para sentar e pensar. Mas, tudo o que encontro são músicas que tocam de uma maneira estranha meu coração e, com toda força que nelas existe, me puxam para baixo da chuva...

Tristemente sinto uma angústia me dominar por dentro, arrancando de mim a mais pura vontade de cantar alto e deixando apenas uma solidão fria e insistente. E como uma tola deixo tocando as mesmas músicas solitárias. Isso, como uma tola... Uma tola que deseja acreditar que amanhã vai acordar melhor. Uma tola que não consegue dormir antes das seis horas da manhã. Uma tola que precisa de um abraço apertado e reconfortante... Uma tola que não sabe o motivo real de estar assim... E se não houver motivo? Estarei sendo mais tola ainda por esse sentimento que me aperta o peito e que me deixa com vontade de apenas ficar parada esperando o arco-íris surgir no céu após as nuvens cinzentas.

Ah, como desejo sentir um beijo quente, um abraço seguro e uma voz dizendo que está tudo bem. Afinal, eu sou humana. Mas, não desejo um beijo de uma pessoa qualquer... oras, que ousadia. Preciso de um determinado beijo que só uma pessoa pode me oferecer, e por ele esperarei por dias e noites, entre chuva e sol, procurando no arco-íris uma força ainda maior que a minha. Esperar... assim farei. Esperarei para que seus braços me envolvam com carinho e amor, com um sorriso doce nos lábios e com o coração descompassado... ah, saudades.

Hoje a chuva caiu fortemente em algumas horas da tarde, em outras parecia apenas uma breve lembrança em pingos. E depois de tantos choques térmicos ganhei uma gripe de presente, isso ajudou ainda mais na minha angústia solitária. Motivo? Eu sei lá.

Assim como a chuva passa... a tristeza também passa... e quem sabe em algumas horas eu descubra o arco-íris dentro de mim.

...céus, isso deve ser culpa da gripe! Devo estar com febre, preciso de mais chocolate... (cereja também seria uma boa, mas não tem...)

Enquanto isso... Walk in the rain... in the rain, in the rain...I walk in the rain, in the rain...Is it right or is it wrong...and is it here that I belong...


+ Layene andou por aqui... 22:33 (+)

..........................






"the snow in the air
to sing me a lullaby
my winter, come hither to me

the dark nights to come
so, kiss me for good-bye
the grace of the godland is near to you

show me the flowers invisible
sing me the hymns inaudible
the wind is my voice
the moon is my heart
come find me, I'm on every hills and fields
I'm here... ever your near..."


(Noir - Lullaby)


Meu humor atual - i*Eu

Blogs

PROTECTION
Whispers in my head
In limbo
4 5 6
Dead Men Tells No Tales
Snow Flower
Blergh
Versteckte Augen
Fear of Dolls
V1rtu4l 3uc4lyptus
Life Sux
Poemas do Quarto
Bard's Tale
Behind the Mirror
Pink Diary Kawaii
Anja...
Quarentena
Heaven of Demons...


Links

Neo Moon Ghost
Dúvendor

Samurai Warrior

Blind Guardian

Steel Warrior
X Japan Elfwood
Absolute Shakespeare


Email

laylayere@hotmail.com

Blogger

Layout por Mylinha!

800 x 600, IE 6.0+